The Number of the Beast.png

4

Título: The Number of the Beast

Ano de Lançamento: 1982

Gênero: Heavy Metal

  1. Invaders
  2. Children of the Damned
  3. The Prisoner
  4. 22 Acacia Avenue
  5. The Number of the Beast
  6. Run to the Hills
  7. Gangland
  8. Total Eclipse
  9. Hallowed Be Thy Name

Com a troca de vocalistas e a entrada do lendário Bruce Dickinson, o Iron Maiden renovou o seu som da água para o vinho, com músicas requintadas com excelentes letras, poderosos vocais operaticos que renderam a Bruce Dickinson o apelido de homem sirene e instrumentais fortes, bem construídos e que aperfeiçoavam a profundidade das músicas. O disco causou polêmica na época por tratar de temas obscuros, principalmente em sua faixa título, rendendo um motim que queimava os discos da banda na época. Quando a poeira abaixou o álbum ganhou status de clássico e se mantém até hoje no pódio de discos mais famosos da história do Heavy Metal. Ele conta com uma faixa fraca, chamada “Total Eclipse”, duas faixas apenas boas chamadas “Invaders” e “Gangland”, os clássicos “Children of the Damned” que é uma música crescente que é finalizada por notas absurdamente altas, “22 Acacia Avenue” que é muito reconhecida pelos fãs, “The Number of the Beast” com o lendário grito inicial, “Run to the Hills” para cumprir a cota de faixas de fácil assimilação e o épico “Hallowed Be Thy Name”, cada um com a sua peculiaridade e seu mérito por fazer do disco o que ele é hoje, e ainda a ignorada pelos fãs “The Prisoner”.

Destaques: “22 Acacia Avenue”, “Run to the Hills” e “Hallowed Be Thy Name”.

Anúncios