Sinopse: Para ajudar a irmã Mia que esta em abstinência de drogas e tem surtos constantes, irmão leva ela e uns amigos para uma cabana isolada na floresta, onde pensam em fazê-la relaxar, mas chegando lá, encontram o livro Necronomicon e libertam os Mortites de volta em nosso universo.

Evil-Dead-2013_poster-01.jpg

4

Título: A Morte do Demônio (Evil Dead)

Direção: Fede Alvarez

Ano de Lançamento: 2013

Gênero: Horror

Optando por fazer um reboot ao invés de um remake, a produção acerta em cheio com um filme mais sério que os três que consagraram a saga, onde a grande arma é a violência extrema e as assustadoras cenas de possessão demoníaca. O filme é bem conduzido por uma leva de bons atores e tem bons papéis pra todos eles, fugindo dos clichês do gênero em cenas que surpreendem e apavoram. A Morte do Demônio tem um roteiro bem escrito, excelente fotografia, direção de arte poderosa, maquiagem exemplar e efeitos especiais únicos, completamente feitos à moda antiga com muito sangue falso e próteses ao invés de excessos de CGI. Uma das únicas cenas onde o CGI é usado é quando o braço de uma personagem se desprende com um corte e cai, de resto é tudo uma grande sujeira bem construída e que traz bons resultados. Este longa é um dos filmes mais violentos já feitos e isso conta muito para o seu progresso, com cenas tórridas ao ponto de uma agulha enfiar ser enfiada logo abaixo do olho de um personagem. Dói só de ver, de verdade. O Necronomicon está de volta, e está com tudo, trazendo os velhos demônios da floresta aos novos personagens do longa, que infelizmente, não é protagonizado pelo pioneiro Bruce Campbell, mas não há muito o que reclamar, pois com o sucesso do filme nasceu uma série com o bom e velho Ash voltando a combater os demônios. Esse é um dos filmes que eu mais concordo com a censura. Não havia a mínima possibilidade de um filme tão brutal ganhar uma censura menor do que 18 anos. O longa ainda faz algumas referências ao clássico, como quando uma personagem usa uma motosserra no lugar de sua mão, e isso torna A Morte do Demônio ainda mais atrativo. Foi o melhor reboot feito até hoje e está a frente de sua época, merecendo ser assistido por todos que gostam de um filme de Horror denso e pesado, e pessoas que não tenham estômago fraco, pois muito sangue irá jorrar.

Melhor Cena: a protagonista usa uma motosserra no lugar de sua mão em alusão a Ash, o protagonista original.

Anúncios