Sinopse: Na Itália dos anos 40, Guido (Roberto Benigni) é levado para um campo de concentração nazista e tem que usar sua imaginação para fazer seu pequeno filho acreditar que estão participando de uma grande brincadeira, com o intuito de protegê-lo do terror e da violência que os cercam.

48dec2e6e554f2c7f755bbd72aaacaba_jpg_290x478_upscale_q90

4

Gênero: Drama. Comédia.

Dirigido por  Roberto Benigni.

Protagonizado por Roberto Benigni e Nicoletta Braschi.

Com um roteiro inicialmente leve, o início do filme não prepara o território para o Drama que vem a seguir, com um começo cômico e leve, mostrando Roberto Benigni cortejando aquela que ele chama de princesa e que no futuro seria sua mulher, e fingindo não ser judeu na presença constante de nazistas, é um filme que chega a ter um princípio bobo, inocente e muito banal, que é após um longo tempo substituído por um pesado Drama sobre a segunda guerra mundial e o holocausto, onde Guido (Roberto Benigni) cria uma idealização de mundo fantástico dentro do campo de concentração pra enganar seu filho de que a morte está próxima, transformando o clima pesado do longa em um deleite delicado e intimista, que mostra de perto a época em que o Terceiro Reich dominava a Europa e as forças aliadas estavam em desvantagem, em pleno os anos 40.

O longa mostra seu lado emocional em sua segunda metade, e adquire um peso gigantesco, que causa impacto ao mesmo tempo em que entristece, com excelentes atuações de todo o elenco principal e uma beleza única. Não é o tipo de filme para assistir se quiser se sentir bem, pois a carga dramática predomina e o filme cativa com sua intensidade dramática relativamente alta e a inocência do pobre filho de Guido, que acredita estar a salvo graças às histórias do pai. O filme ganhou três Academy Awards na época, e gerou idolatria por sua forma única de contar uma estória triste, deixando tristes e desconfortáveis mesmo os corações mais duros.

Finalizando o texto, tenho a dizer que o filme não é para todos, por seu início bobo e leve demais, mas é indicado a todos os fãs de Drama pacientes e que vão aguentar esperar os quarenta minutos de comédia passar para enfim ver o longa mostrar as suas asas. Se você procura por algo leve e que vai te fazer rir apenas, este não é o filme que você está procurando já que ele em tempos é engraçado e em tempos é emocionante, com uma perfeita transição entre gêneros que pode passar até despercebida por tamanha forma natural em que é disposta para o espectador. O fim é comovente e triste, mas acho que este filme não funcionaria se não fosse assim. Altamente recomendado.

Melhor Cena: O tanque finalmente chega.

Maior Destaque: Roteiro.

Anúncios