Não recomendado para menores de 18 anos.

Sinopse: Os irmãos Seth (George Clooney) e Richard Gecko (Quentin Tarantino) são procurados pela polícia por 16 mortes. Eles sequestram um ex-pastor e seu casal de filhos, para poderem atravessar a fronteira com o México e lá se dirigem à uma casa noturna frequentada por caminhoneiros e motoqueiros, que é uma mistura de cabaré e prostíbulo. Porém, ao chegar lá a dupla se depara com algo totalmente inacreditável.

20240110.jpg-r_1920_1080-f_jpg-q_x-xxyxx

5

Gêneros: Terror. Suspense. Ação. Comédia.
Dirigido por Robert Rodriguez.
Protagonizado por Harvey Keitel, George Clooney, Quentin Tarantino e Salma Hayek.

Um dos melhores filmes de vampiros da história, Um Drink no Inferno é um filme extremamente divertido e exagerado, que marcou época e começou um combo de ótimos filmes protagonizados por George Clooney. O que mais me atrai nele é seu ritmo empolgante e as performances dos dois protagonistas, interpretando dois ladrões e sequestradores que vão parar em um bordel recheado de criaturas sanguinárias e violentas que farão de tudo para acabar com a raça dos irmãos Seth e Richard Gecko, contando ainda com performances marcantes de Harvey Keitel e Salma Hayek.

A direção de arte é foda, com uma locação legal no clube noturno, os efeitos especiais são over the top e sinalizam uma certa sede de sangue da parte de Robert Rodriguez. A violência impressiona e é o principal elemento do filme, que recebeu no mundo inteiro aclamação e idolatria por sua imensa contribuição para o gênero Terror, além de seu humor único, elementos que o tornaram um rentável blockbuster e o início de uma frutífera trilogia.

Para um filme do gênero o orçamento foi bem robusto, com 20 milhões de dólares a disposição da produção pra se virarem com um filme feito entre amigos que tinha tudo pra dar certo, e deu. Richard Gecko, interpretado por Quentin Tarantino, é muito carismático e toma um rumo complicado na trama do filme, e ainda há um pouco de espaço para Suspense em meio ao banho de sangue. É um filme adulto, para adultos, que é vulgar demais pra crianças e pode causar desconforto em uma sessão de cinema em família. Mesmo com esta limitação, continua sendo um clássico formidável, com elenco show de bola e características técnicas maneiras. Quem assistir não vai se decepcionar, então eu recomendo o filme a aficionados por Terror e Ação em um mix bagunçado mas que da muito certo.

Melhor Cena: “O banquete está servido.”
Anúncios