Não recomendado para menores de 12 anos.

Sinopse: Um jovem baterista sonha em ser o melhor de sua geração. Com o treinamento de um mestre impiedoso, o músico começa a ultrapassar todos os seus limites, inclusive tomando atitudes que jamais pensou que tomaria.

421888.jpg-r_1920_1080-f_jpg-q_x-xxyxx

5

Gêneros: Drama. Musical.
Dirigido por Damien Chazelle.
Protagonizado por Miles Teller e J.K. Simmons.

Whiplash conta a história de um jovem músico de Jazz que cai nas mãos de um impetuoso e agressivo maestro, que exige muito de seus alunos e tem uma forma excêntrica de lidar com eles, achando que maltratando-os ele impulsiona uma melhor performance deles, e de fato, ele consegue isso, especialmente pegando no pé de Newman (Miles Teller), novato na turma e que sofre constante bullying de seu professor, brilhantemente interpretado por J.K. Simmons na maior performance de sua carreira, que lhe rendeu um Academy Award de Melhor Ator Coadjuvante.

A questão principal do filme é que mesmo sendo um enigmático tirano, Terence Fletcher (J.K. Simmons) é um personagem muito cativante e intenso, que eleva a qualidade da trama à níveis insuperáveis de pressão e brutalidade, fazendo Newman dar seu suor e sangue, literalmente, por um lugar em sua banda. Isso atrapalha o relacionamento de Newman com sua namorada e prejudica a vida dele de diversas formas.

O elenco em grande parte é jovem e energético, com exímio talento na música, e um especial toque de fragilidade em relação à dureza de Fletcher, e é legal ver como um maestro louco consegue destruir mentalmente seus aspirantes na tentativa de ajuda-los. A obra prima é bem construída, tem uma incrível edição de som, uma apaixonante trilha sonora, forte apelo Cult, direção de arte condizente com um filme que não é focado em características visuais e um ritmo insano e que esbanja talento da parte de Miles Teller, e demonstra rigidez com a incrível performance de J.K. Simmons, com seus personagens em rota de colisão eminente, gerando uma sequência final impecável de persistência e espirito esportivo em um dos melhores momentos já mostrados em um filme musical, com boas doses de Drama e cavalares doses de expertise cênica.

Melhor Cena: A cena final.
Anúncios