Não recomendado para menores de 10 anos.

Sinopse: Dois anos após a batalha entre os Autobots e os Decepticons, Sam Witwicky (Shia LaBeouf) enfrenta a ansiedade de entrar na faculdade. Isto significa que ele terá que morar separado de seus pais, Judy (Julie White) e Ron (Kevin Dunn), deixar a namorada Mikaela Banes (Megan Fox) e ainda explicar a situação ao seu amigo e protetor Bumblebee, já que pretende levar uma vida normal de agora em diante. Paralelamente o governo desativa o Setor 7, resultando na demissão do agente Simmons (John Turturro). Em seu lugar é criada a NEST, uma agência comandada pelo capitão Lennox (Josh Duhamel) e o sargento Epps (Tyrese Gibson), que trabalha em conjunto com os Autobots. Porém a NEST enfrenta a resistência de Theodore Galloway (John Benjamin Hickey), o consultor da segurança nacional, que a considera supérflua.

19962603.jpg-r_1920_1080-f_jpg-q_x-xxyxx

3.5 estrelas

Gêneros: Ação, Aventura, Ficção e Suspense.
Dirigido por Michael Bay.
Protagonizado por Shia LaBeouf e Megan Fox.

A segunda entrada da saga Transformers é Michael Bay até o talo, com um clima bem característico dos filmes dele que exageram nos efeitos especiais e são o menos realistas possível, mas quem disse que isso é defeito? É o estilo do cara e ele faz bem, e pra quem procura experiências over the top os filmes dele são ideais. Ainda interpretado por Shia LaBeouf e Megan Fox, e tem muito mais carisma que o primeiro filme.

O longa faz uma super sexualização do personagem de Megan Fox só por ela ser gostosa, e isto o deixa menos apropriado pro público alvo, focalizando até de forma cômica em cachorros cruzando, algo inapropriado para um filme de censura tão baixa, mas eu não estou aqui pra pagar de pai de ninguém, cada um assiste o que tem vontade e se você acha as piadas de duplo sentido algo apropriado para seus filhos, quem sou eu pra discordar?

Dessa vez ele mostra um conflito entre Sam (LeBeouf) e Bumblebee, que está sendo abandonado para que seu dono vá para a faculdade, colocando o pobre robô de escanteio. Mas logo Sam perceber o quanto precisa de seu velho carro com um novo ataque dos Decepticons, que estão fazendo de sua vida um verdadeiro inferno.

O ritmo do filme é intenso, e ele diverte apesar de contar com uma limitada quantidade de desenvolvimento de personagens, e o filme cativa com todos os seus excessos e cenas memoráveis. Não é uma obra prima do cinema moderno, e nem mesmo um ótimo filme, mas promete agradar aos fãs do primeiro filme mais que o primeiro filme e é recomendado para todas as idades, só deixando bem claro que há algumas insinuações e piadas de duplo sentido apesar de o filme ser completamente livre de putaria.

Melhor Cena: A luta na floresta.

 

Anúncios