Sinopse: Quando Oscar Diggs (Franco), mágico de circo de ética discutível, é carregado do poeirento Kansas para a vibrante Terra de Oz acha que tirou a sorte grande – teria fama e fortuna ao seu dispor. Até que ele encontra três bruxas, Theodora, Evanora e Glinda, que não estão convencidas de que ele é o grande feiticeiro que todos imaginam. Relutantemente tragado pelos épicos problemas em que a Terra de Oz e seus habitantes estão enfrentando, Oscar tem que descobrir quem é bom e quem é mau, antes que seja tarde demais. Colocando em prática suas artes mágicas da esperteza e do ilusionismo – e até um pouco de feitiçaria – o personagem se transforma não apenas no grande e poderoso Mágico de Oz como também em um homem melhor.

20344671.jpg-r_1920_1080-f_jpg-q_x-xxyxx

4 estrelas

Título Original: Oz: The Great and Powerful

Classificação Indicativa: Livre

Gêneros: Aventura, Comédia e Fantasia

Direção: Sam Raimi

Protagonista: James Franco

Visualmente lindo e espetacular em escala, essa releitura do filme infantil mais clássico da história impressiona em diversos aspectos, mas especialmente em robustos efeitos especiais, uma história forte e contundente, em locações de CGI magníficas com uma fotografia insuperável nos dias de hoje. É um futuro clássico do cinema americano e o segundo melhor papel da carreira de James Franco, não deixando dúvidas em relação a suas proezas cênicas e com um elenco de apoio invejável, pra cinéfilo nenhum botar defeito.

É lógico que a expectativa e o hype não foram atingidos, mas também pudera, as pessoas estavam esperando um filme que superasse o original, que de fato conseguiu tal feito em grandiosidade, mas não em história e impacto na história do cinema, limitando o seu foco apenas em ser um filme de Fantasia acima da média dos tempos modernos.

A releitura conta a história de Oz, um mágico charlatão que ao ser perseguido, foge de balão e acaba sendo atingido por um tornado que o joga em um mundo mágico, cheio de criaturas peculiares e com um colorido simplesmente incrível. Isso tudo se passando no ano 1907, com um curto início em preto e branco pra dar um maior contraste ao mágico mundo de Oz. A história não foge muito das premissas da fábula original, mas da uma cara nova ao filme com um protagonista masculino e adulto que não deixa dúvidas: este filme não é um remake.

Se você busca por uma aventura fantástica, cativante e contagiante com cinematografia impecável, este futuro clássico da Fantasia ira suprir todas as suas necessidades de entretenimento e mostrar que tem algo a mais, que o diferencia do restante dos filmes do gênero lançados nos anos 2000. É diversão pra família toda. Se você é turrão e não gosta de lembrar que teve infância e odeia filmes fantasiosos eu não sei nem o que você está fazendo lendo esta postagem, porquê o nome diz tudo. Oz: Mágico e Poderoso. Uma experiência inesquecível.

Anúncios