Resident Evil 4 - Recomeço

2

Título Original: Resident Evil: Afterlife

Direção: Paul W. S. Anderson

Gêneros: Ação, Ficção e Terror

Sinopse

Na trama, Alice continua em sua missão de procurar e proteger todos os sobreviventes que puder encontrar. Com a ajuda de uma velha amiga, ela tenta leva-los para Los Angeles, lugar que acredita ser seguro, até que a cidade é invadida por milhares de mortos-vivos. Agora, Alice deve salva-los não só dos zumbis, mas também de sua violenta guerra com a Corporação Umbrella.

Resident Evil vira Matrix.

Com efeitos especiais exagerados e fantasioso demais, Resident Evil: Recomeço tem personagens conhecidos pelos fãs da série de games, como Albert Wesker (Shawn Roberts), Executioner (Ray Olubowale), Claire Redfield (Ali Larter), Chris Redfield (Wentworth Miller) e Jill Valentine (Sienna Guillory), e tinha tudo para dar certo, mas a mente de Paul W. S. Anderson parece difusa e confusa nessa quarta entrada da franchise de filmes. Alice (Mila Jovovich) é o grande defeito desse filme, pois tudo o que ela faz é em câmera lenta e remete diretamente à trilogia Matrix. Isso seria um ponto positivo se não eu não estivesse falando de um filme de Terror, o que torna a situação bizarra. Com novos sobreviventes Alice e Claire (que é salva de um dispositivo idêntico ao que controla a Jill no game Resident Evil 5) enfrentam mais uma luta por sobrevivência em busca de encontrar uma forma de chegar ao navio Arcádia, que promete segurança, mantimentos e um ambiente livre de infecção. Como é de costume, alguém faz merda e bota tudo a perder, mas Alice da o seu jeitinho, não antes de enfrentar o temoroso Executioner e Albert Wesker, ambos vilões do quinto jogo da série original (não incluindo os spin-offs). O filme é intenso e cheio de ação, mas falta Terror e ele não é amedrontador como os três primeiros capítulos da saga, mostrando um triste caminho a ser percorrido com filmes desinteressantes e uma completa falta de atenção a detalhes que só se torna pior em câmera lenta. Se você gosta da série de filmes é provável que este, mesmo com as suas limitações, vai te agradar. Agora, se o seu negócio são os games, fuja como o diabo foge da cruz.

Anúncios