ppppfq3

3

Título Original: Fritt Vilt

Direção: Roar Uthaug

Gênero: Terror

Sinopse: Um grupo de jovens vai para as montanhas com a intenção de esquiar e se divertir. Ali, tudo vai bem até que um deles acaba quebrando a perna. Assim, eles começam a procurar alguma ajuda na afastada região e dão de cara com um hotel que está abandonado. Eles entram no local e não demoram a perceber que algo muito estranho acontece por lá. É quando se dão conta de que entraram em um hotel amaldiçoado e que agora terão de enfrentar um desafio do qual jamais imaginaram, e que vai apavorar suas vidas para sempre.

O medo pode ser congelante.

Uma fotografia deslumbrante, um grupo de jovens, um assassino. Essa é a fórmula desse Slasher visceralmente violento que atingiu os cinemas de todo o mundo como um furacão em 2006, como um dos filmes de serial killer mais inovadores e marcantes de sua época. O filme narra a história de um grupo de esquiadores que vão para um hotel abandonado após um deles sofrer um acidente e quebrar a perna. O que podia ser um refúgio quente e acolhedor se torna um pesadelo quando um assassino não identificado começa a caça-los e mata-los.

Come eu já citei, a fotografia é o ponto mais positivo do filme. É perfeita, muito fria e amedrontadora. Outro ponto muito positivo é a violência intensa que é dissecada nos mínimos detalhes pra maior divertimento sádico dos aficionados por filmes de Terror. Tudo é muito bem calculado para que o filme seja movimentado em toda a sua duração e não caia no marasmo, e funciona, por sinal, com um dos andamentos mais misteriosos e macabros dos anos 2000 e que já chega chegando com um elenco show de bola e um roteiro muito bacana.

O filme se transformou em uma franchise, muito boa por sinal, e pode ser assistido na Netflix, para os interessados nessa espécie de filme de Terror. Tudo flui naturalmente e o filme cativa, inclusive da parte do assassino, que tem uma aparência macabra e é silencioso e calculista, como Michael Myers, e usa de uma picareta pra matar brutalmente suas vítimas. O primeiro filme é o menos violento dos três, mas esconde um pouco de seu roteiro pra ser explanado apenas no terceiro e último filme, que revela a origem do assassino. Até lá, vão ficar na curiosidade. E não vale espiar, hein? Segura essa curiosidade e assista essa magnífica franquia.

Anúncios